Páginas

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Mangas

Na foto abaixo, selecionei um grupo de mangas para serem analisadas


Volumes

Os criadores de moda apresentam a cada estação novas silhuetas. Dessa forma, algumas partes do corpo ficam em destaque. Há algum tempo as mangas têm sido eleitas com muitas variações.
Embora algumas mangas já estejam ultrapassadas, eu resolvi postá-las aproveitando o post de um outro blog meu.
Haja coragem para encará-las durante o verão.
Mesmo fugindo aos padrões básicos, as mangas em sua maioria, são construídas sobre o traçado da manga base.
Nessa postagem vou levar os leitores à análise dos modelos. Pensem, estudem, e só tirem as dúvidas depois de esgotadas todas as possibilidades. Bom lembrar que é a análise que nos leva ao entendimento. Aos que realmente querem esgotar as possibilidades, sugiro que usem a mini base manga do nosso conjuntinho de bases e façam miniaturas em papel manteiga. É assim que mostro o estudo das dúvidas dos meus alunos. Eles adoram.




Modelo 1



Análise


Analisando a manga da foto acima, percebo que o princípio da modelagem é o mesmo da fig. 2, pág.125, Livro MIB, com vazados representando o modelo. Para os que não possuem o livro, é a manga básica, com a cabeça aumentada e vazados representando o modelo.











   
Modelo 2


Análise

A manga acima tem como princípio de modelagem a manga básica exageradamente subida e franzida na cava. O franzido foi transformado em pregas desordenadas e franzidos desordenados por toda a manga, só tendo igualdade entre as duas mangas no volume. vide livro MIB, pág.123, 124 e 125.











Modelo 3



Análise

Esse modelo tem como princípio a manga e pala na mesma peça – Livro MIB, pág. 137, partindo da base de manga, construída com a cabeça subida, o tanto quanto o ombro. Perceba que o ombro além de subido, também foi alongado. “Pobre da costureira com tantos recortes em zig-zag”.







  




Modelo 4


Análise

Essa manga tem o mesmo princípio do modelo 2, porém o volume começa na altura dos bíceps, indo em direção à cava. O pregueado está simétrico entre os lados, sobrepondo o corpo da blusa como uma manga raglã finalizando nos ombros.














Modelo 5


Análise

Manga, echarpe, ou uma tira de tecido?
Pode até parecer manga, mas não é. O modelo da foto é uma amarração bem bolada da versão laço feita a partir de uma echarpe para a linha Cheap & amp; Chic de Moschino.













Modelo 6


Análise

Manga ou pelerine?

Você chamaria de manga ou de Mini Pelerine?
Se a análise tiver a visão técnica, o detalhe sobre os ombros tem na modelagem os princípios técnicos de uma pelerine com o comprimento reduzido.









   
 

Modelo 7



Análise

Manga, gola ou estola?
Voce chamaria de manga, gola ou estola? Se a análise tiver a visão técnica, o detalhe sobre os ombros tem na modelagem os princípios técnicos de uma tira enviesada e franzida presa ao decote do vestido como uma gola.