Páginas

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Resultado do Concurso Desmistificando a Modelagem

A escolha da melhor descrição sobre o modelo do concurso “Desmistificando a Modelagem” foi realizada ao alcançar o e- mail de número cinquenta.  A vencedora com a melhor narrativa sobre a modelagem,  foi a "Marília Denadary” que escolheu como prêmio o  Kit Bases.

Queridos leitores e seguidores do blog,
Fiquei muito feliz com essa postagem . As descrições foram extensas e demonstraram um bom conhecimento na área. Percebi também como estou colaborando com a formação dos modelistas que vêm trabalhando sobre as bases de corpo e aplicando as técnicas  de modelagem.  Alguns descreveram com os mínimos detalhes como montar a peça.  A esses eu parabenizo pelo alto nível de conhecimento em descrever os modelos,  fator indispensável para se tornarem  bons estilistas.


Acrescento à descrição da Marília que  todas as partes rosas e cinzas compõem a peça como base,  para a aplicação sobreposta do drapeado e da parte dourada.
Aguardem o próximo concurso,

Sonia Duarte






Texto da Marília
A pence da base frente é transferida para o ombro, deixando 2 cm na pence da cintura.
As bases então são colocadas lado a lado e niveladas pelo CC. Marca-se 1 cm no CC e uma linha reta é traçada nas duas bases. A parte de baixo é descartada.

Na base da frente:

1. No decote, entra-se uns 2,5 cm no ombro (A) e, no CF, uns 8 cm (B). Os dois pontos são unidos com a régua curva grande. Esta parte posteriormente será separada do vestido. É a parte de cima do detalhe dourado.

2. Na lateral, a partir da cava, marca-se uns 13 cm (C).

3. No CF, partindo do decote, marca-se uns 18 cm (D).

4. C e D são ligados com a régua reta.

5. A partir do ponto B, entra-se 1 cm. Esta nova marcação é ligada a D com a régua reta.

6. Paralela à linha recém-traçada, traça-se outra, com uns 2,5 cm de distância. Esta é a parte de baixo do detalhe dourado.

7. A partir de B', sobe-se uns 8 cm. Com a régua curva grande, com a pence fechada, traça-se uma linha do novo ponto marcado ao ponto inferior da cava.

Na base das costas:
8. Nivela-se as bases pelas laterais. Marcar o ponto E em relação ao C.

9. sobe-se uns 2 cm no CC (F).

10. Ainda no CC, sobe-se uns 12 cm (G).

11. Com a pence fechada, liga-se, com a régua reta, os pontos E e F. Esta parte é destacada do resto da base. É a parte inferior do detalhe dourado.

12. (Pence fechada) Traça-se uma linha de G em direção a parte inferior da cava. EFG cava faz parte do vestido.

13. A partir do decote, entra-se uns 2,5 cm no ombro (H) e, no CC, entra-se também 2,5 cm (I). Os pontos são ligados com a régua curva pequena. É a parte superior do detalhe dourado.

14. A pence é aberta e cortada.
A parte rosa é o vestido.
A parte cinza é o detalhe dourado.
A parte verde é descartada.

O drapeado pode ser feito diretamente no manequim. Ou ainda traçando-se linhas paralelas. Tais linhas são cortadas e separadas para, em seguidas, serem coladas lado a lado, na distância desejada. Quando maior a distância, mais drapeada a peça fica no final.